FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA PASSWORD SOU UM NOVO UTILIZADOR

Argélia reduz importação de leite

Argélia reduz importação de leite

As importações argelinas de leite recuaram no ano passado. De janeiro a novembro, as compras somaram US$ 989,36 milhões, uma queda de 3,6% em relação ao mesmo período de 2012, de acordo com informações da Alfândega do país.

A quantidade importada também caiu. Foram adquiridas 245.335 toneladas, um recuo de 12,4% na mesma comparação. Em 2012 como um todo, as importações de leite e derivados somaram US$ 1,19 bilhão, uma redução de 16,2% sobre 2011.

O governo incentiva a produção local para reduzir as importações. São destinados 46 bilhões de dinares (US$ 583,76 milhões) ao ano para apoiar a cadeia produtiva do leite. Isso inclui subsídios aos fazendeiros, coletores e processadores de leite e até incentivos aos produtores de itens utilizados como ração animal, como milho e alfafa.

Com isso, a produção de leite atingiu 3,4 bilhões de litros na temporada 2012-2013, contra 3,2 bilhões no ciclo anterior, segundo dados do Ministério da Agricultura e do Desenvolvimento Rural.

O Brasil já foi um grande exportador de leite para a Argélia, mas os negócios minguaram após um período de alta no preço do produto. Segundo dados do Ministério Brasileiro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), as vendas ao mercado argelino somaram apenas US$ 578,3 mil de janeiro a novembro do ano passado e US$ 814,4 mil no mesmo período de 2012.

As informações são da ANBA.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint.PT, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.