FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA PASSWORD SOU UM NOVO UTILIZADOR

Economias em desenvolvimento deverão contribuir para um crescimento de 4,6% no mercado global de lácteos e alimentos de soja

O mercado global de lácteos e alimentos à base de soja aumentará de US$ 617,9 em 2015 para US$ 773,4 mil milhões até 2020, representando uma taxa de crescimento anual composta de 4,6%, de acordo com a firma Canadean.

O último relatório da companhia afirma que este crescimento cauteloso será conduzido principalmente pelos mercados emergentes e em desenvolvimento na região da Ásia-Pacífico (APAC), Médio Oriente e África (MEA) e regiões do leste da Europa, em contraste com a Europa Ocidental e América do Norte, cuja fragilidade económica resulta em riscos de um crescimento mais fraco do mercado.

De acordo com Kiran Akkineni, analista da Canadean, “a mudança nas preferências dos consumidores e padrões de compra devido às mudanças socioeconómicas e demográficas criaram novas dinâmicas de mercado. Embora os principais mercados da Europa Ocidental e da América do Norte tenham testemunhado estagnação no consumo de leite líquido junto com um rápido crescimento nos produtos processados e de soja, os países em desenvolvimento registraram um forte crescimento na procura por produtos lácteos devido ao baixo consumo per capita”.

O consumo de leite na América do Norte está atualmente em declínio à medida que os consumidores optam por bebidas alternativas, como sumos e água com infusão de vitaminas. Em contraste, o aumento no consumo per capita de lácteos pela crescente população de classe média em mercados em desenvolvimento no APAC, MEA e regiões do Leste Europeu direcionarão o crescimento de lácteos e alimentos à base de soja.

A análise da Canadean revela que os consumidores em mercados desenvolvidos tendem a basear as suas escolhas de bebidas no seu nível de personalização, se podem ser consumidas em movimento, e se podem fornecer uma experiência nova. Os consumidores em países emergentes, incluindo Brasil, Índia e China, por outro lado, colocam uma ênfase maior no valor nutricional, seguindo tendências de saúde e bem-estar.

“Apesar dessas diferenças regionais no consumo de bebidas, o valor em dinheiro continua a ser um importante fator de diferenciação globalmente, à medida que os consumidores optam por produtos percecionados como capazes de fornecer isto. Consequentemente, há um aumento considerável na procura por marcas em desconto e produtos de marcas privadas de redes varejistas. O mercado global de lácteos e alimentos à base de soja é altamente fragmentado, com 5 marcas mantendo menos de 6% de participação de mercado. Mengniu, Activia, Amul, Kraft e Yili foram as marcas líderes em participação de mercado em 2015”. As informações são da Canadean.
 

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint.PT, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.