FAZER LOGIN COM O FACEBOOK ESQUECI MINHA PASSWORD SOU UM NOVO UTILIZADOR

Alojamento e conforto para vacas leiteiras: algumas dicas

Melhorar a criação de vitelos em verdadeiros alojamentos ao ar livre

Um ambiente ideal no alojamento pode prevenir os problemas respiratórios em vitelos quase completamente. Os seguintes fatores são importantes:
l A abundância de ar fresco;
l Ausência de correntes de ar;
l Baixas concentrações de amónia.
l Espaço suficiente para todos os vitelos.
Estes fatores não são, muitas vezes, bem implementados nos alojamentos para vitelos convencionais e mesmo os sistemas de ventilação sofisticados têm um grande risco de pneumonia. A solução é bastante óbvia: estábulos ao ar livre oferecem todas as vantagens mencionadas acima. Os abrigos individuais têm papel importante nesta escolha: os vitelos crescem ao ar livre e os abrigos tipo gaiola fornecem proteção contra correntes de ar. Os iglos mais espaçosos conseguem alojar até 14 vitelos e oferecem proteção contra chuva e sol, bem como abrigo para o operador. 




Conseguir a ventilação adequada nos estábulos é essencial
Conseguir a ventilação certa nos estábulos é essencial para a atingir uma produtividade ótima. Temperatura ambiente elevada, radiação solar indireta agressiva e humidade são fatores ambientais que provocam stress sobre as vacas. A consequente diminuição da produção pode ser compensado implementando ventoinhas com a função de fazer circular o ar, o que resulta numa sensação de frescura, útil para combater o stress causado por calor. 




Alojamento para uma recria ótima na exploração
Um bom alojamento é indispensável para garantir as condições ideais para a recria de vitelos.  



Garanta que as vacas se podem deitar confortavelmente
Tempos de descanso mais longos refletem um melhor bem-estar da vaca, o que pode repercutir-se num aumento da produção de leite. O facto das vacas não contactarem com peças de metal, resulta num menor número de lesões. 







Aumentando o conforto da vaca e a higiene do efetivo com uma gama de escovas

Assegurar o conforto e bem-estar é um requisito importantes para a produção de grande quantidade de leite e manutenção de uma boa qualidade. 


Controlar os níveis de amónia para criar um ambiente confortável
Nos bovinos, mais de 60% do azoto não digerido é excretado na urina sob a forma de ácido úrico e ureia. A cama é um ambiente propício ao crescimento de bactérias aeróbias que degradam o ácido úrico e a ureia em amónia. A amónia é um gás incolor e altamente irritante que contribui para a necrose dos tecidos, resultando numa resposta inflamatória que conduz a danos ainda maiores em vacas e vitelos. 


Adaptado de International Dairy Topics pela equipa MILKPOINT.

0

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint.PT, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.