ENTRAR COM FACEBOOK ESQUECI MINHA PASSWORD SOU UM NOVO UTILIZADOR

Um robot é a escolha certa para mim?

"Tendo estado envolvido com a ordenha robótica desde o início de 2002, tenho experimentado muitas histórias de sucesso. Durante este tempo, assisti a muitas explorações e às questões habituais "se fizeram a mudança certa para a ordenha robótica".

As histórias de sucesso superam em muito as explorações que têm dificuldade em se adaptar à robótica. Este artigo de Dean Miller na Progressive Dairyman revela a sua experiência de mais de 15 anos.


"Nos primeiros dias, explicamos o potencial e as três principais razões pelas quais eles deveriam considerar a robótica: trabalho, estilo de vida e saúde. Na maioria das vezes, gostamos de dizer aos agricultores que avaliem e compreendam o quanto trabalho eles pensam que vão economizar.  Os agricultores mais bem sucedidos ao longo dos anos são os que reinvestem o tempo gasto na sala em gerir as vacas, instalações e os robôs.

Se acha que colocar um robô vai ajudar a mantê-lo fora da exploração, é simples - os robôs podem não ser adequados para o seu caso. Se  vê o robô como parte de um plano de melhoria contínua para a sua exploração e uma maneira de libertar tempo para que possa gerir melhor, terá uma hipótese muito melhor de sucesso.

Quanto aos potenciais custos adicionais associados ao funcionamento do seu robô: Quanto vai custar para alimentar as suas vacas no robô? Qual o custo de manutenção?

Vamos começar com os custos de alimentação. Temos que entender o que o robô é para a vaca. Para nós, é uma máquina automatizada que vai recolher leite - mas para a vaca, é simplesmente uma estação de alimentação. O que traz as vacas para uma estação de alimentação? É a alimentação que as vacas desejarão e apreciarão enquanto estiverem de pé no robô. Num ambiente de tráfego livre, temos de garantir que as vacas são alimentadas adequadamente. 

Em média, vai alimentar 6,5 a 11 quilos de ração peletizada por animal por dia num cenário de tráfego livre. Calcule isso para que saiba quanto vai gastar em um ano. Converse com seu nutricionista. 

Certifique-se de que todas as configurações de alimentação estão corretas e a taxa de distribuição é definida para que a vaca receba alimentação ao longo de toda a ordenha.

Custos de manutenção são mencionados em quase todos os processos de vendas: ao  comprar um robô que funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, 365 dias por ano. Todas as unidades de ordenha automáticas têm um muitos tipos de avisos mas precisam de manutenção.

O outro aspecto da nova tecnologia é o custo. Tecnologia mais recente em qualquer negócio geralmente custa mais para corrigir. Devido à sofisticação dos sensores, placas eletrónicas, válvulas e muitas outras partes de um sistema de ordenha automática,  pode esperar que os custos das peças serão maiores.

Sim, haverá custos de manutenção e serviço, mas eles podem ser compensados ​​pelas potenciais economias de mão-de-obra e aumentos na produção. Faça perguntas sobre a manutenção e os custos anuais.


Vamos agora olhar para outra área que causa preocupação - o produtor de leite. Pergunte a si mesmo: Eu sou o tipo de pessoa que pode lidar com um alarme às 2 da manhã? Estas perguntas precisam ser feitas. Embora os alarmes continuem a ser dramaticamente reduzidos.
Com uma boa manutenção e um bom serviço, os alarmes são mínimos. A maioria sente que a questão de alarme não é tão grande e prefere ter a liberdade de estilo de vida que pode ser alcançada. 


Entender todos os aspectos da sua compra possível do robô é muito importante. Como eu disse anteriormente, este artigo é sobre si.

O artigo é da Progressive Dairyman adaptado pela equipa MILKPOINT.

1

DEIXE SUA OPINIÃO SOBRE ESSE ARTIGO! SEGUIR COMENTÁRIOS

5000 caracteres restantes
ANEXAR IMAGEM
ANEXAR IMAGEM

Selecione a imagem

INSERIR VÍDEO
INSERIR VÍDEO

Copie o endereço (URL) do vídeo, direto da barra de endereços de seu navegador, e cole-a abaixo:

Todos os comentários são moderados pela equipe MilkPoint.PT, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

SEU COMENTÁRIO FOI ENVIADO COM SUCESSO!

Você pode fazer mais comentários se desejar. Eles serão publicados após a analise da nossa equipe.

PEDRO DE OLIVEIRA PINTO

JUIZ DE FORA - MINAS GERAIS - TÉCNICO

EM 24/02/2017

Muito bom o artigo. Parabéns!